Teatro: “Qual é a Sentença? A Mulher que Matou a Diferença”

Texto e Encenação de Guilherme Roda

3 Aug 23h00
Teatro: “Qual é a Sentença? A Mulher que Matou a Diferença”

Num tribunal, não se sabe onde, uma mulher é julgada por ter matado a diferença. Por ter tido a coragem de gritar um basta à sujeição e à submissão, em que durante séculos as mulheres eram sempre condenadas. Antes de se ditar a sentença, como jeito de protesto, ela monologa a sua dor. Conta as peripécias da sua vida e, com ela, o público revive o drama da mulher num mundo governado pela cegueira do machismo.

Estreado em 2015, este espectáculo já desfilou em diversos palcos da cidade de Maputo, tendo pela temática e estética de sua performance, comovido e deslumbrado o público das cidades de Maputo e São Paulo (Brasil) onde recentemente foi apresentado no âmbito da 2ª edição do festival de Teatro em Língua Portuguesa Yesu Luso.

Elenco:

Texto e Encenação: Guilherme Roda

Interpretação: Assucena Daniel e Castigo dos Santos