TIMBILAS E PIANOS: DIÁLOGOS, SONORIDADES E PERFORMANCES

Animada pelo historiador e etnomusicólogo Eduardo Lichuge

18 Oct 23h00
TIMBILAS E PIANOS: DIÁLOGOS, SONORIDADES E PERFORMANCES

Eduardo Lichuge: Docente e investigador na Escola de Comunicação e Artes da UEM.

Arcénia Chale / Moderação: Jornalismo e Relações Públicas, Univesridade A Politécnica

 

Descrição

 

O conhecimento sobre Moçambique e a sua música foi construído a partir de um olhar alheio à cultura moçambicana. Os seus autores eram missionários cristãos, etnógrafos, antropólogos, militares, administradores coloniais, comerciantes e outros indivíduos que a registaram e descreveram de acordo com um olhar exógeno, condicionando desse modo a forma como Moçambique e a sua música ficaram representados. De que modo este conhecimento sobre a música de Moçambique, condicionou o modo como hoje o conceito de “música moçambicana” foi apropriado pelos moçambicanos e pelas instituições nacionais. Como se revêm os músicos moçambicanos enquanto protagonistas de uma música descrita por outros.