Projecção do Documentário “In Kino”

“Uma Experiência Em Pemba - Dança Contemporânea”

28 Abr 23h30
Projecção do Documentário “In Kino”

Um Vídeo animação-documentário artístico-cultural que envolve bailarinos e outros artistas, objectivando contribuir para a ampliação e a formação de audiências em dança contemporânea. São artistas que fazem parte de grupos e escolas diferentes, que se juntaram para reflectir sobre o espaço cénico local, e da região, através duma fragilidade com que a dança ou a arte contemporânea se deparam, que é a falta de adesão e compreensão por parte do público, na região. Esta animação-documentário quer, no seu conjunto, motivar a trazer um olhar mais profundo na captação e análise de momentos, interacção com as pessoas locais, afim de poder trazer uma carta mais de reprodução no estúdio, e estéticas diferentes do olhar de um bailarino. 
Tentando responder à questão, “Que dança? para que espaço?” uma criação coreográfica para espaços alternativos, envolvendo ferramentas que ajudam a uma inscrição coreográfica coerente com as nossas experiências como povos de culturas diferentes, contudo com uma história idêntica. 

Sinopse 
“Em resultado de pesquisas improvisando nas ruas da província, distritos e localidades, discutindo questões sociais na arena coreográfica, trazendo reflexão do homem contemporânea (globalização), os grandes movimentos de migração ou do êxodo, enchente saturação no determinado espaço com foco no individuo, a obra reflecte o papel desempenhado por este diante de suas possibilidades de interagir com o seu quotidiano de forma critica e poética”. 
Argumentação 
A Dança Contemporânea vem ganhando espaço e propagação na região Austral e no exterior. Diversas companhias vêm apresentando suas pesquisas, contribuindo para a disseminação desta linguagem artística, mas resta sempre a curiosidade de encontrar bailarinos e companhias independentes contemporâneos. No entanto, grande parte das apresentações acontece em teatros e espaços culturais que se localizam no centro das cidades, dificultando o acesso à população que mora distante deste eixo cultural. 
A iniciativa do projecto visa apresentar a essas comunidades locais uma oportunidade de contacto e troca de experiências com a linguagem da dança contemporânea, acreditando que além de oferecer espectáculos de dança gratuitos, é necessário criar outros mecanismos para que os espectadores tenham um maior envolvimento com esta linguagem, que sejam consumidores críticos, resultando numa melhor fruição dos espectáculos. É desta forma que a esfera artística se constitui como evento de carácter social que contribuirá para a ampliação e a formação de plateia em dança. 
Produção: Converge + Co-produção: Ampola D e Pak Ndjamena 
Realização/Filmagem/Edição 
(Ivan Barros) Coreografia/Concepção/Interpretação/Coordenação/Idealização 
(Idio Chichava e Pak Ndjamena); Adaptação Musical: Ivan Barros, Pak Ndjamena e Idio Chichava Elenco/Dançarinos de Pemba: Bacar Assane Faquir Filipe Paulo Gaito, Cesar Da Silva Nunus Charles John Dienga Izak Pedro Bizeque João Ussene Jorge Joaquim Joaquim, Adelia Marcelo Hermenegildo José Afonso João Ernesto Costa Ngamo Candido Mira Romão, Ivan Nicolau Gonsalves Jorge Tadeu 
Agradecimentos 
Jorge Tadeu Juma Massar Barbara 
Parceiros: GVC, Helvetas, Casa Provincial da Cultura de Cabo Delgado, Escola Primaria de Natite 
Apoio Financeiro: Cooperação Suíça,Apoio administrativo: ICMA (Instituto Cultural Moçambique Alemanha)